...da forma mais inesperada...

Domingo, 10 de Outubro de 2010

Sabem bem estes primeiros dias de chuva. Apesar de nos tornarem mais suceptiveis a estados deprimentes e nostálgicos, a verdade é que sabe bem estar em casa e a ouvir a chuva a cair lá fora. Deixar que uma bebida quente nos aqueça as mãos, enquanto descontraimos de uma semana de trabalho. O "dolce fare niente"...

 

No entanto, e dadas as circunstâncias actuais, é inevitavel um sentimento intenso de nostalgia e tristeza. Acho que em cada despedida há sempre algo de nós que o outro leva com ele e no fim de tantas despedidas, sentimo-nos sempre um pouco vazios, um pouco receosos, um pouco confusos, um pouco em falta. Há alguma coisa que se sente que se perdeu e apesar de sabermos que depois da tempestade, algures brilhará o sol, sentimo-nos extremamente vulneraveis e frageis.

 

Faz-se o balanço e descobre-se que haveria sempre coisas que poderiam ter sido diferentes. Talvez haja de facto um "destino", um designio qualquer que nos conduz a determinadas situações com o pretexto de evoluirmos sempre mais um bocadinho. Talvez esteja escrito que certas pessoas tenham que entrar nas nossas vidas para aprendermos com elas e elas conosco. Talvez...

 

Talvez a nossa vida seja pontuada de dias de chuva para nos podermos alegrar e dar mais valor aos dias de sol.

 

publicado por Carlita às 17:44
|

De ClaudiaLG a 13 de Outubro de 2010 às 17:59
Sabes miga, cada vez acredito mais que nada acontece por acaso e que, por pior que as coisas terminem, conseguimos sempre guardar algo de bom, novas aprendizagens, novas perspectivas... cada pessoa que se cruza no nosso caminho, acrescenta sempre algo mais à nossa vida e à nossa personalidade, pelos melhores ou piores motivos, mas aprendemos sempre! e só por aí, ja vai valendo a pena...
A tarefa complicada penso que está em conseguirmos lidar com o "adeus" com a serenidade suficiente para podermos guardar só o que é bom de guardar...
O balanço é uma tarefa imprescindivel depois de qualquer crise que só a devemos fazer quando estivermos preparadas para isso... mas depois, verás que virá o alivio, a paz, a tranquilidade e tudo se começa a recompôr :)
Agora sei que é possível :)
beijinho grande


mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Últ. comentários
Neste momento,tens um ombro amigo, um apoio, algue...
As pessoas mudam tanto quando se ferem o suficient...
Ah boa!!! Mas podiam por um nome mais sugestivo......
Canela não é a especiaria como já percebeste. Conh...
Sabes miga, cada vez acredito mais que nada aconte...
custa tanto... bem sei amiga...por isso é que, qd ...
adorei xD e fez.m bastante jeito
Também sou touro com ascendente caranguejo. 18 de ...
Eu também, parece que me estou a ver ao espelho :P
Miga, até a mim me doem as tuas palavras.... é tão...

blogs SAPO


Universidade de Aveiro