...da forma mais inesperada...

Segunda-feira, 01 de Fevereiro de 2010

Mea culpa, minha máxima culpa! Torturo-me já de joelhos, a levar com o chicote no lombo e o cilício na perna, mas que posso fazer se pertenço aquela classe de pessoas que pecisam de dormir "in extremis" 8 horas por noite ou mais?!

 

Há tempos, dizia-me um amigo meu ( de raça alienígena, de certeza, visto que afirmar dormir apenas 4 ou 5 horas por noite e andava sempre fresquissímo, ligado ao modo maníaco e nas horas da pirisca):

-" És tão dorminhoca, paahhh... Já pensate bem que passas metade da tua vida a dormir? Tens que aproveitar mais...a dormir só se perde tempo!"

 

Sim, sim querido... eu também queria aproveitar mais, também queria de vez em quanto cometer a ousadia de ver um filme que passe a horas mais tardias na tv. Bem queria ter vontade de ir todas as noites para festanças...mas como é que eu faço essas coisas se ás 21h30 já sinto o João Pestana e a sua legião de criaturas indómitas a caminhar na direcção dos meus olhos? Espeto-lhes uns palitos? Em que estado estaria a minha sanidade mental se apenas me limitasse a dormir 4 ou 5 horas por noite, diáriamente? Se cometesse um assassínio, seria perdoada?

 

Não adianta. Basta me apenas dormir 2 horas que sejam a menos, para ter um verdadeiro dia de caca.

(imagem retirada da net)

 

O ideal seria acordar sempre sem despertador, ao ritmo do meu próprio relógio biológico, coisinha que só acontece para aí uma ou duas vezes no ano. Nos restantes dias, sou acordada por uma música qualquer que toca numa rádio qualquer do despertador ( a não sintonização de rádios ditas "audiveis" para um qualquer ser humano leva me muitas vezes a acordar ao som de Ágatas e Ruths Marlenes), isto quando me estou a voltar confortavelmente para o outro lado e a pensar que ainda me restam 4 ou 5 horas de sono; isto quando não passo metade da noite com os olhos esbugalhados, a tentar controlar-me para não ver as horas a passar e eu a fazer contas de subtrair....

E depois o acordar...doloroso. O sair da cama...penoso. O arrastar dos pés...

 

Confesso que não estou no meu melhor estado intelectual logo pela manhã. Os fusíveis precisam de aquecimento...como as lãmpadas economizadores. Fico extremamente deprimida quando oiço alguém dizer logo pela manhã, que já fez milhares de coisas:" aaiii, eu cá já me levantei, já fui ao pão, já passeei o cão, já corri a maratona, já fiz o pino, levei os míudos á escola, passei a ferro, dei dois mortais encarpados e agora...vou trabalhar." Mas como é que é possível? Quem é que tem vontade de ir fazer ginástica logo de manhã? E de levar o canito á rua? De certeza que fez tudo isto no tempo em que eu ainda estou a pedir licença a um pé para mexer o outro e o meu cérebro tenta a tarefa árdua de começar a carburar.

 

Por  isso desisti de fazer grandes noitadas durante a semana. E ás vezes aos fins de semana, estico-me á grande.

 

E para quem diga que não aproveito a vida, que só durmo e coisa e tal, só tenho uma coisa a dizer:

 

- Pois é, mas ao menos não ganho rugas tão cedo!!!eheheheh

sinto-me: ensonada
tags:
publicado por Carlita às 16:33
|

De ClaudiaLG a 4 de Fevereiro de 2010 às 14:51
Amiga! como eu te compreendo! ainda hoje, desliguei o despertador e voltei-me para o outro lado... resultado: era 1h da tarde quando me levantei... o que vale é que entro às 2h... va la, va la :)


mais sobre mim
pesquisar
 
Fevereiro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
13

14
15
17
18
19

22
23
25
26
27

28


Últ. comentários
Neste momento,tens um ombro amigo, um apoio, algue...
As pessoas mudam tanto quando se ferem o suficient...
Ah boa!!! Mas podiam por um nome mais sugestivo......
Canela não é a especiaria como já percebeste. Conh...
Sabes miga, cada vez acredito mais que nada aconte...
custa tanto... bem sei amiga...por isso é que, qd ...
adorei xD e fez.m bastante jeito
Também sou touro com ascendente caranguejo. 18 de ...
Eu também, parece que me estou a ver ao espelho :P
Miga, até a mim me doem as tuas palavras.... é tão...

blogs SAPO


Universidade de Aveiro